Não perca tempo. Agende já sua consulta ou exame.

Novembro Azul: o que é e qual a importância dessa campanha

por

Em diversos países, o Novembro Azul levanta questões importantes sobre a saúde masculina. O mês é dedicado a chamar atenção para doenças graves que acometem homens de todas as idades. Por esse motivo, é essencial divulgar a iniciativa para conhecidos, e incentivá-los a fazer os exames. No entanto, mesmo sendo conhecido, muitas pessoas não sabem […]

A campanha Novembro Azul conscientiza o público masculino sobre prevenção e cuidados com a saúde (Foto: Reprodução)

Em diversos países, o Novembro Azul levanta questões importantes sobre a saúde masculina.

O mês é dedicado a chamar atenção para doenças graves que acometem homens de todas as idades.

Por esse motivo, é essencial divulgar a iniciativa para conhecidos, e incentivá-los a fazer os exames.

No entanto, mesmo sendo conhecido, muitas pessoas não sabem o que ou como surgiu o movimento.

Pensando nisso, reunimos um conteúdo especial sobre o Novembro Azul, como ele funciona e qual sua importância.

O que é o Novembro Azul?

Novembro Azul é uma campanha mundial que visa reforçar a conscientização a respeito de doenças masculinas. Principalmente o câncer de próstata.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), cerca de 65 mil novos casos foram diagnosticados em 2020.

É a segunda causa mais comum de morte entre homens, atrás do câncer de pele.

Apesar de ser uma doença preocupante, pode ser evitada com exames preventivos e rotinas de cuidado com a saúde.

Contudo, o preconceito masculino nesse quesito ainda é muito enraizado.

Por isso, campanhas como o Novembro Azul ganham visibilidade, para incentivar homens a se cuidar.

Como surgiu o Novembro Azul?

O movimento nasceu na Austrália, com o nome de Movember. A ideia era incentivar os homens a se “mexerem” e fazerem exames de prevenção.

A campanha surgiu para aproveitar o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata, comemorado no dia 17 de novembro.

Desde então, vários países, no mundo todo, passaram a se divulgar o movimento.

No Brasil, o Instituto Lado a Lado pela Vida deu início ao projeto, em 2014.

Foram realizados mais de 2 mil ações em todo o país, com iluminação de pontos turísticos, como o Cristo Redentor, o Teatro Amazonas e o Congresso Nacional.

Na época, várias celebridades aderiram à campanha, como Zico e Rubens Barrichello. Assim, o movimento pode ganhar visibilidade.

Inclusive, instituiu-se o Dia do Homem em 19 de novembro, para unir as datas.

Em 2016, as Forças Armadas e a Unidade Militar Base Naval do Rio de Janeiro realizaram a 1° Semana do Homem. O intuito era promover palestras e exames coletivos.

Hoje, a importância do Novembro Azul é mundial, e ajuda homens de todas as idades a se conscientizarem sobre seu corpo e sua saúde.

Além disso, o Movember se tornou mais que uma campanha de câncer de próstata. Muitos países oferecem debate sobre outras doenças, como câncer de testículo, depressão masculina e hábitos saudáveis.

O símbolo do Novembro Azul, além da cor, também inclui o uso de bigodes, para chamar atenção.

Iluminação do Congresso para o Novembro Azul (Foto: Reprodução)

Qual a importância da campanha?

Um dos principais objetivos é promover uma mudança de hábitos masculinos. Com uma rotina mais saudável, é possível prevenir diversas doenças.

Os exames de prevenção ainda são um tabu entre muitos homens. Por isso, o Novembro Azul é de suma importância.

Ao promover debates de conscientização, permite-se que homens falem sobre sua saúde e sejam incentivados a se cuidar.

Assim como o mês de outubro, contra o câncer de mama, o Novembro Azul facilita o acesso a exames de próstata e atendimentos gratuitos nas unidades de saúde.

Trata-se de um incentivo para que o público masculino saiba mais sobre como se prevenir, fazer o diagnóstico e os tratamentos.

Sobre o câncer de próstata

O câncer de próstata é o principal tema de debates e conscientização no Novembro Azul.

O tumor se instala na glândula localizada logo abaixo da bexiga, responsável pela produção de sêmen e espermatozoides.

No entanto, nem todos os tumores são malignos. Muitos homens passam a vida com um, sem interferir em sua saúde.

Mas casos mais graves podem levar a óbito. Por isso, é essencial realizar exames.

Especialmente homens com mais de 60 anos. 75% dos casos de câncer de próstata atingem homens da terceira idade.

Sintomas

Além de fazer os exames preventivos ao menos uma vez por ano, também é possível procurar um especialista em caso de alguns dos seguintes sintomas:

  • Sangue na urina;
  • Dificuldade para urinar;
  • Aumento na frequência de urina de dia ou durante a noite.

Mas é importante lembrar que o câncer de próstata, na maioria das vezes, é assintomático. Por isso, a prevenção é essencial.

Exames para prevenção e diagnóstico

Se descoberto no estágio inicial, o tumor maligno pode ser combatido.

Existem dois exames para fazer o diagnóstico.

O exame de sangue mede a quantidade de Antígeno Prostático Específico. É possível localizar alterações por meio destes resultados.

Contudo, é recomendável fazer o exame de toque retal. Com ele, o médico identifica possíveis alterações na glândula.

O exame de toque é feito com luvas e medidas de segurança. É rápido e indolor, mesmo que muitos homens relatem desconforto e tenham grande resistência.

Com ambos os exames, as chances de diagnostico precoce são mais de 90%.

Ao identificar alterações, nódulos ou rigidez, o médico pode pedir biópsias e exames mais específicos.

Tratamento

É descomplicado tratar a doença localizada, somente na próstata. Cirurgia e radioterapia são os tratamentos mais comuns. Muitas vezes, apenas a observação vigilante é a única medida necessária.

Por outro lado, tumores que já se espalharam para outros órgãos precisam ser tratados mais agressivamente, com tratamentos hormonais e quimioterapia.

Para mais chances de exterminar a doença totalmente, é fundamental um diagnóstico precoce e preciso.

Por isso, os exames anuais são essenciais.

Conclusão: O Novembro Azul é realmente importante?

Existem muitos tabus sobre a saúde masculina. Com o Novembro Azul, se abre espaço para diálogos e aconselhamentos apropriados.

Além disso, também se combate o preconceito estrutural quanto aos exames preventivos. Com isso, é possível impedir milhares de mortes, todos os anos.

O Novembro Azul não é importante apenas para homens, mas para toda a sociedade. 

Com a conscientização, famílias e amigos não perdem entes queridos. Por isso, é preciso incentivar os homens a realizar a prevenção.

Enquanto isso, também se indica hábitos saudáveis para prevenir o câncer de próstata:

  • Uma dieta com verduras, frutas e grãos;
  • Exercícios físicos;
  • Manter o peso adequado;
  • Ter atenção à doenças hereditárias, como diabetes, colesterol e hipertensão.

Assim, as chances de câncer, ou outras doenças, reduz consideravelmente. 

No mês de Novembro, procure seu médico e faça os exames preventivos de sangue e toque. Sua saúde é importante.




Voltar ao topo WhatsApp